20 vontades de 2 mães para 2017:

20 vontades de 2 mães para 2017:

Lista 1:

1 - Ter mais tempo pra mim (banhos de meia hora já são lucro garantido);

2 - Respirar fundo (muito fundo) antes de pensar em gritar com meus filhos;

3 - Evitar pessoas negativas, invejosas e cansativas;

4 - Fazer uma viagem sozinha (mesmo que de um fim de semana);

5 - Saber dizer “não” sem me sentir culpada;

6 - Ter serenidade para aceitar/entender o que não tem como ser mudado;

7 - Me proporcionar e curtir muitos momentos divertidos com meus filhos;

8 -  Em t-o-d-o-s os relacionamentos (exceto com meus filhos, pois preciso educá-los): falar menos, porque vale demais aquela máxima de "eu prefiro ser feliz do que ter razão";

9 - Fazer o possível para me relacionar com gente querida mais pessoalmente e menos virtualmente;

10 - Encontrar pelo menos um motivo de gratidão todos os dias do ano;

Lista 2:

1 - Fazer coisas que me encham de energia para encarar as partes chatas da maternidade mais numa boa;

2- Criar momentos para curtir as coisas boas da maternidade;

3- Encarar o meu bem estar de maneira tão importante como eu encaro o dos meus filhos - lembrar que é mais fácil ser boa mãe quando estamos felizes;

4- Organizar melhor minha rotina com as crianças para que nossos dias sejam mais leves. Pedir/organizar ajuda; 

5- Estabelecer 7-8 horas de sono como prioridade absoluta: nada de bom (nem pessoalmente, nem profissionalmente) vai sair de uma cabeça cronicamente mal dormida; 

6- Criar momentos para curtir mais a natureza - a gente sempre volta mais reenergizado; 

7- Iniciar as crianças na prática da meditação e continuar aprofundando a minha própria prática;

8- Pensar mais na hora de comprar - melhor ter menos coisas, mas coisas boas do que um monte de porcaria;

9- Me cercar de pessoas inspiradoras que me ajudem a ter ideias boas, que me mostrem outras formas de viver, que me mostrem que o mundo é muito maior do que eu consigo enxergar;

10- Tentar não ficar brava, nem ficar julgando demais as pessoas - volta tudo pra gente!

A primeira lista de "vontades" foi feita por Fabiana Santos (em Washington-DC, Estados Unidos) e a segunda por Camila Furtado (em Colonia, na Alemanha). Que as suas vontades, onde quer que você se encontre, também se realizem em 2017. Feliz Ano Novo!

 

 

"Escutar filho é diferente de obedecer filho": a entrevista em vídeo

"Escutar filho é diferente de obedecer filho": a entrevista em vídeo

"Escutar filho é diferente de obedecer filho": 7 perguntas para o psicólogo Rossandro Klinjey

"Escutar filho é diferente de obedecer filho": 7 perguntas para o psicólogo Rossandro Klinjey